CONSERVAÇÃO DOS OCEANOS

© Cristina Mittermeier/sealegacy

 

Os oceanos são a origem de toda a vida no planeta - e eles estão em perigo.

O aumento do nível do mar sem precedentes e o aquecimento das águas causado pelas mudanças climáticas estão na lista de impactos negativos previstos por um recente relatório da Organização das Nações Unidas (ONU). Até o final do século, mais mares poderão ter aumento de temperatura, ficarem mais ácidos e sem vida - e isso tem implicações devastadoras para a vida marinha, para o clima da Terra e para a segurança alimentar de bilhões de pessoas. 

É necessária uma ação imediata e transformadora para evitar que o aviso da ONU se torne realidade. 

 

 

OS FATOS 

3 em cada 7
pessoas
Três em cada sete pessoas no planeta dependem de peixes e frutos do mar como sua principal fonte de proteína.
Até 10x
mais carbono
Até 10 vezes mais carbono é armazenado nos habitats costeiros do que nas florestas tropicais por unidade de área. 

 

 

 

 

OBJETIVOS GLOBAIS

Onde a humanidade precisa estar até 2030

A necessidade planetária é conservar ativamente 30% dos oceanos e garantir que pelo menos 75% da pesca no planeta seja realizada usando métodos socialmente responsáveis e ambientalmente sustentáveis até 2030.

 

 

 

O QUE ESTAMOS FAZENDO PARA ALCANÇAR ESSE OBJETIVO 

 

5
PESCARIAS SUSTENTÁVEIS
apoiamos a criação de modelos de negócio sustentáveis que conectam pescadores artesanais ao consumidor final. 
44,3
milhões de hectares
 de área oceânica protegida que a CI apoiou a criação ou implementação no Brasil 

 

 

A Conservação Internacional:  

  • Gera e alavanca capital financeiro e humano para apoiar o aumento da escala da conservação da costa brasileira, bem como do oceano. 
  • Cria incentivos financeiros e políticos para proteger e restaurar ecossistemas costeiros, tais como recifes de coral, manguezais e restingas. 
  • Educa e age contra políticas e práticas prejudiciais ao setor pesqueiro artesanal e à conservação da biodiversidade marinha.

 

Nossas metas até 2025:

  • Implementar e melhorar a gestão de 92 milhões de hectares de áreas marinhas protegidas. 
  • Apoiar a melhoria de pelo menos 10 pescarias sustentáveis no Brasil. 

 

EM CAMPO 

 

© Átila Ximenes
PESCA + SUSTENTÁVEL
O Pesca + Sustentável trabalha a cadeia do pescado artesanal – da captura ao prato – estimulando o fornecimento e o consumo de pescados de qualidade, de origem sustentável, expandindo e diversificando a prática por meio do desenvolvimento de modelos sustentáveis de pesca e incentivando o empreendedorismo nas comunidades pesqueiras
ALIANÇA EM DEFESA DAS COMUNIDADES PESQUEIRAS E TRADICIONAIS DO NORDESTE
As organizações do terceiro setor Oceana, Rare e Conservação Internacional firmaram uma aliança com o objetivo de mitigar os problemas enfrentados pelas comunidades pesqueiras afetadas pelo óleo e agora pela Covid-19. A iniciativa chamada Aliança em Defesa das Comunidades Pesqueiras Artesanais do Nordeste, que conta com apoio do Instituto Humanize, está mapeando e divulgando os impactos ambientais e socioeconômicos identificados.