Trilha Transcarioca participa do evento Um Dia no Parque

julho 17, 2019

??

Trilha Transcarioca participa de campanha que incentiva o turismo em áreas protegidas   

"Um dia no Parque" terá 23 parques participantes no Rio de Janeiro 


A Coalizão Pró-Unidades de Conservação – coletivo de organizações da sociedade civil – realiza no próximo dia 21 de julho (domingo) a segunda edição da campanha "Um dia no Parque". Seu objetivo é incentivar os brasileiros a conhecerem melhor as áreas protegidas do país, criando uma cultura de visitação e turismo nas Unidades de Conservação (UCs), mais conhecidas como parques. Além de oferecer atividades, como caminhadas, observação de aves e passeios de barco, alguns parques não cobrarão entrada do público neste dia.

Mais de 200 parques participam da ação. Entre eles, 23 áreas protegidas do Rio de Janeiro. Entre elas, estão parques apoiados pelas organizações Conservação Internacional e Fundação SOS Mata Atlântica. São elas: Área de Proteção Ambiental (APA) Guapi-Mirim, Estação Ecológica (Esec) da Guanabara, os Parques Nacionais (Parna) do Itatiaia, Serra da Bocaina e Tijuca, e o Parque Estadual da Pedra Branca.

Além disso, algumas UCs Municipais, como os parques naturais municipais da Cidade e Nova Iguaçu também estão confirmados. O estudo "ICMS Ecológico e as Unidades de Conservação Municipais da Mata Atlântica", lançado recentemente pela Fundação SOS Mata Atlântica, comprovou como estas áreas desempenham papel fundamental para as cidades, não apenas do ponto de vista ambiental, mas também econômico. Segundo a publicação, o Rio de janeiro é o estado que detém a maior proporção e capilaridade na cobertura das UCs municipais no Brasil. Nesse estado, 81 municípios abrigam 340 UCs municipais, que representam cerca de 1/3 das unidades registradas para a Mata Atlântica.

Veja como aproveitar os parques cariocas:

A Trilha Transcarioca é uma opção para os moradores e turistas se conectarem à natureza com passeios saindo das Zonas Norte, Sul e Oeste. A maior trilha de longo curso da América Latina tem 180 km, dividida em 25 trechos diferentes e ligam os bairros da Urca e Barra de Guaratiba, entre florestas da Mata Atlântica. Para obter mais informações sobre os trechos e seguir preparado para a caminhada, os visitantes podem acessar o site https://trilhatranscarioca.com.br/ e baixar gratuitamente o aplicativo "Trilha Transcarioca", na App Store e Google Play, ambos produzidos com o apoio da Conservação Internacional.


"Já que as pessoas estão sempre com seus celulares, o aplicativo da Trilha Transcarioca ajuda com informações sobre os trechos, pontos de apoio e dicas para um bom passeio e também as conecta à natureza. E pode gerar mais engajamento no cuidado da Trilha Transcarioca", explica Mauricio Bianco, vice-presidente da Conservação Internacional.  

Para quem deseja ir um pouco mais longe da área urbana carioca, a APA de Guapi-Mirim, a Esec da Guanabara e os parques nacionais Serra da Bocaina e Itatiaia são ótimas opções de passeio. Entre os destaques das atividades está o passeio de barco ao manguezal na região da APA de Guapi-Mirim e Esec da Guanabara.

Na divisa entre São Paulo e Rio de Janeiro, no Parque Nacional da Serra da Bocaina, o público poderá conhecer a Pedra da Macela. Na ocasião, será realizado um mutirão de limpeza com o objetivo de sensibilizar os visitantes, além da instalação de placas de sinalização e outros equipamentos para a manutenção das trilhas.

O Parque Nacional do Itatiaia promoverá uma ação inclusiva com oficinas e atividades sensoriais no Cento de Visitantes, em seu Jardim Sensorial e em áreas de floresta. Durante todo o dia, das 8h às 17h, o público poderá conhecer o recém-lançado projeto de acessibilidade apoiado pela SOS Mata Atlântica que proporciona uma experiência única a pessoas com deficiência visual ou auditiva.

Para saber os outros parques participantes da campanha e os detalhes da programação, bem como possíveis contatos com os organizadores, acesse o site https://www.umdianoparque.net/.

"Todas essas ações mostram a riqueza de nossas áreas protegidas não apenas do ponto de vista ambiental, mas da quantidade de benefícios que elas prestam às pessoas, principalmente o lazer e bem-estar. As pessoas ainda pouco conhecem essas áreas, por isso essa campanha é fundamental. Precisamos aproximar estas áreas ainda mais do dia-a-dia da população", afirma Érika Guimarães, gerente de Áreas Protegidas da Fundação SOS Mata Atlântica.


Sobre a Conservação Internacional

A Conservação Internacional é uma organização brasileira sem fins lucrativos, que trabalha a proteção da natureza para o bem-estar humano. Em suas abordagens, usa ciência, políticas e parcerias para proteger os elementos da natureza os quais precisamos para produzir alimentos, água e nossos meios de subsistência. Fundada em 1990, a Conservação Internacional no Brasil é parte da rede Conservation International que atua em 6 continentes e 34 países para garantir um planeta saudável e próspero para todos. Saiba mais sobre a Conservação Internacional no nosso site: www.conservation.org.br e através da campanha "A Natureza Está Falando" e também da nossa série de projetos de realidade virtual: "Amazônia Adentro", "My Africa" e "Valen's Reef." 


Sobre a Fundação SOS Mata Atlântica

A Fundação SOS Mata Atlântica é uma ONG ambiental brasileira. Atua na promoção de políticas públicas para a conservação da Mata Atlântica por meio do monitoramento do bioma, produção de estudos, projetos demonstrativos, diálogo com setores públicos e privados, aprimoramento da legislação ambiental, comunicação e engajamento da sociedade em prol da recuperação da floresta, da valorização dos parques e reservas, de água limpa e da proteção do mar. Os projetos e campanhas da ONG dependem da ajuda de pessoas e empresas para continuar a existir. Saiba como você pode ajudar em www.sosma.org.br.

Informações à imprensa

Fundação SOS Mata Atlântica - Luiz Soares

Tel.: (11) 96199-1050

Email.: luiz@sosma.org.br

 

Conservação Internacional – Thiago Camara

Tel: (21) 98624-8163

E-mail: tcamara@conservation.org



Contatos para imprensa

Priscila Steffen – Gerente de Comunicação
psteffen@conservation.org
Tel: +55-21-2173-6389