Intro Photo Large

Remove this module

Section Info

EditPhoto Title:Aliança pela Restauração na Amazônia
EditPhoto Description:Um pacto pela conservação na Amazônia Brasileira
EditImage Url:/global/brasil/PublishingImages/amazonia_bg_large.jpg
EditImage Description:
EditPhoto Credit:
EditPhoto RenditionID Small:5[Optional]
EditPhoto RenditionID Webkit:6[Optional]
EditPhoto RenditionID Medium:7[Optional]
EditPhoto RenditionID Portrait:8[Optional]
EditPhoto RenditionID Large:9[Optional]


Unir esforços para proteger a maior floresta tropical do mundo. 


Uma iniciativa multi-institucional focada em qualificar e ampliar a escala da restauração florestal na Amazônia brasileira. A missão desta união de parceiros é promover a integração entre diferentes ações e a cooperação entre múltiplos agentes engajados no tema, sejam ONG's, empresas, academia, governo e sociedade civil. 


Apesar de manter mais de 75% de sua cobertura florestal original, o bioma amazônico sofre com o desmatamento.  Atividades ilegais como a extração de madeira e a conversão da floresta para outros usos em áreas que deveriam estar protegidas representaram um total de 7,989 mil km² de área desmatada, de janeiro até novembro de 2016. O número impressiona pois, no ano todo de 2015, foram 6.207 mil ​​km2 de área desmatada.


Parceiros na Aliança ​

Restaurar a Floresta Amazônica é ação prioritária da CI-Brasil e também de organizações que se uniram para fundar esta Aliança. Entre os membros estão: o Instituto de Pesquisa Ambiental da Amazônia (IPAM); a União Internacional Para a Conservação da Natureza (IUCN); o Instituto Socioambiental (ISA); o World Resources Institute (WRI); a Embrapa, o Instituto do Homem e Meio Ambiente da Amazônia (IMAZON), o AmazoniaLive/Rock in Rio, The Nature Conservancy (TNC), Noolhar, Instituto Peabiru, Solidaridad, a ​World Wide Fund for Nature (WWF), Instituto Capital Natural da Amazônia (ICNA), Instituto para Conservação e Desenvolvimento Sustentável da Amazônia (Idesam), a AMATA e Grupo AFB: Agropecuária Fazenda Brasil, Fórum dos Secretários de M​eio Ambiente - Amazônia Legal, Secretaria de Meio Ambiente de Roraima, Museu Goeldi, Laboratório de Ecologia florestal da Uni-Rio, Universidade Estadual do Maranhão (UEMA), ​Instituto de Pesquisas da Ama​zônia (INPA) Universidade Federal Rural da Amazônia (UFRA), ECOTRÓPICOS, Revista Amazônia, Agropalma, Toda Vida, Matchmaking Brazil, Florestas Engenharia, . Como parceiros da Aliança temos o Fundo Brasileiro para a Biodiversidade (Funbio) e o Ministério do Meio Ambiente (MMA).   

Em sua estrutura de governança a Aliança contará com um Conselho de Coordenação, composto por representantes dos quatro segmentos que a integram (governo, empresas, sociedade civil organizada e academia). Poderão ser formados grupos de trabalho para discussão de temas específicos ou elaboração de estudos e publicações. Além disso, uma secretaria executiva, sediada em um dos membros, será responsável pelo engajamento e ativação dos membros, representação da Aliança em reuniões e fóruns, articulação com outras iniciativas e captação de recursos para custear atividades e produtos da Aliança.


​​​​Como funciona? 

  • ​​Adesão voluntária mediante assinatura do termo.

  • Governança descentralizada, transparente e inclusiva.

  • Representatividade nos quatro segmentos (governo, empresas, sociedade civil organizada e academia).

  • Colaboração e cooperação entre os membros.

  • Articulação e integração de ativos, experiências e saberes.

  • Respeito aos conhecimentos tradicionais.

  • Comunicação dinâmica e transparente.

  • Respeito às particularidades produtivas e ecológicas dos variados ambientes e regiões amazônicas.​



Focos de Atuação ​

  • Conciliar interesses e integrar ações em prol da ampliação da escala e da eficiência da restauração florestal.

  • Gerar, sistematizar e difundir conhecimentos e informação sobre restauração florestal, silvicultura tropical e sistemas agroflorestais.

  • Apoiar a captaç​​ão pelos membros para viabilizar ações e projetos de restauração florestal.

  • Impulsionar a economia da restauração florestal, estimulando todos os elos da cadeia produtiva, gerando oportunidades de negócios, trabalho e renda.

  • Contribuir para formulação e implementação de políticas públicas que favoreçam a restauração florestal.

  • ​Disponibilizar protocolos e ferramentas que permitam a integração de dados para o monitoramento das ações de restauração e avaliação da dinâmica florestal.​

  • Desenvolver ações de conscientização e sensibilização da sociedade civil acerca da necessidade de conservação/restauração da Amazônia.​​



Como participar

​​​​​​​​​​​ 

Para tornar-se​ um membro ou associar-se envie um e-mail para: alianca.restauracao.amazonia@gmail.com​


Site+barra-de-logos_040517_02.jpg



Home