Observatório do Código Florestal realiza encontro na Bahia

Encontro do Observatório do Código Florestal discute Cadastro Ambiental Rural e implementação nos estados

Salvador, 11 de outubro de 2013 —

Nesta sexta-feira, representantes da sociedade civil e das Frentes Parlamentares Ambientalistas debatem os avanços e retrocessos da implantação do Novo Código Florestal, no I Encontro do Observatório Nacional do Código Florestal.

"É fundamental acompanhar o que está acontecendo com a implantação do Código, para que haja um controle efetivo da sociedade e transparência nas ações do governo", comentou André Lima, assessor de Políticas Públicas do Instituto de Pesquisa Ambiental da Amazônia (IPAM), e um dos organizadores do Observatório.

O objetivo do encontro é falar sobre os desenvolvimentos que ocorreram nos últimos seis meses desde a criação do Observatório do Código, e ampliar a participação de outras entidades socioambientais. Além de discutir a implementação do Sistema Integrado do Cadastro Ambiental Rural (Sicar) nos Estados. O evento segue o I Encontro Nacional das Frentes Parlamentares Ambientalistas, realizado em Salvador ontem (10).

O Observatório do Código Florestal foi lançado em maio deste ano e as organizações fundadoras são: WWF-Brasil, a Fundação SOS Mata Atlântica, Instituto Centro de Vida (ICV), Instituto Socioambiental (ISA), juntamente com The Nature Conservancy (TNC), Conservação Internacional e Instituto de Pesquisas Ambientais da Amazônia (IPAM).  O Observatório está aberto a adesões de outras organizações e as primeiras devem acontecer ainda em outubro.

As organizações participantes tem liberdade de posicionamento e atuação. O Observatório sistematiza informações, mas não assume posições políticas. O monitoramento do Observatório irá produzir indicadores sobre a implementação do CAR e dos PRAs, e realizar consultas públicas nos estados para identificar os gargalos e entraves a regulamentação e cumprimento do novo Código Florestal, juntamente com governos locais e produtores rurais.

Serviço:

Data: 11/10/2013

Hora: 08h às 16h

Local: – Ministério Público – 5ª Avenida n. 750 – Centro Administrativo da Bahia – Salvador (BA)

Informações para a Imprensa e Marcação de Entrevistas:

Juliana Nogueira – Quartzo Comunicações

Assessora de Comunicação

juno@quartzocomunicações.com.br

+ 55 (61) 8149-5921

Isabela Santos  –  Conservação Internacional

Diretora de Comunicação 

i.santos@conservacao.org

+ 55 (31) 3261 3889