​Gilberto Gil dá voz ao personagem Solo no filme da A Natureza está Falando


Com muita propriedade, Gilberto Gil deu voz ao “Solo”, no filme da A Natureza está Falando, criado pela organização ambiental Conservação Internacional (CI-Brasil).  Durante os 90 segundo do curta, com um tom suave e aconselhador, o cantor coloca-se no papel do solo e nos conta como ele vem sendo tratado pela humanidade. Entre outras coisas, o “Solo” diz: “(....) Eu estou vivo, cheio de organismo e nutrientes que ajudam a produzir a sua comida.  (....) Talvez você pudesse me tratar com um pouco mais de respeito. Eu imagino que você ainda queira comer. Certo? ”. Assista aqui LINK.

Gil tem uma ligação forte com a natureza e faz parte do Conselho Consultivo da CI-Brasil. A campanha, inicialmente com sete filmes, utiliza elementos da natureza para lembrar à sociedade de que a natureza não precisa de nós, mas nós é que precisamos dela, inclusive esse é o mote que permeia toda a ação.   

De acordo com o vice-presidente da CI-Brasil, Rodrigo Medeiros, atualmente 800 milhões de pessoas passam fome no mundo e quase 90% da alimentação humana depende dos solos férteis.

“Os solos são importantes no ciclo de nutrientes que compõe toda a cadeia alimentar. Entretanto, o mau uso e a degradação já causaram a perda de 24 bilhões de toneladas de solos férteis no mundo inteiro. O que isso significa? Que o futuro da produção de alimentos no mundo inteiro está comprometido. Nós da CI sabemos que um solo saudável é a base para a alimentação de todos os seres vivos. Por isso, trabalhamos em projetos que realizam a análise e contribuem para a manutenção dos solos, garantindo alimentos de qualidade para todos”, explicou Medeiros. 

O Solo, na versão brasileira, foi criado pela TBWA/Lew’Lara, em parceria com a Media Arts Lab. Gil dá  vida ao papel que nos Estados Unidos foi interpretado por Edward Norton.  Já a campanha global foi criada pelo chairman da agência de publicidade MAL/TBWA, Lee Clow. Ao todo são sete filmes, lançados a cada 15 dias no hotsite (anaturezaestafalando.org.br) e nas redes sociais da CI-Brasil.
  
Maria Bethânia, Maitê Proença, Rodrigo Santoro, Juliana Paes, Gilberto Gil e Pedro Bial também abraçaram a campanha.  A versão americana desta ação contou com artistas hollywoodianos de peso como: Penélope Cruz, Lupita Nyong'o, Harrison Ford, Edward Norton, Robert Redford, Julia Roberts, Ian Somerhalder e Kevin Spacey.
 
A Conservação Internacional (CI-Brasil), organização ambiental brasileira que atua no país há 27 anos, faz parte de uma rede internacional presente em mais de 30 países e com foco na promoção do bem-estar humano por meio da conservação dos recursos naturais. (www.conservacao.org.br)