TEEB para o Setor de Negócios Brasileiro lança site

O site traz informações sobre o projeto, notícias e publicações relacionadas, entre outros dados relevantes.

Brasília, 27 de novembro de 2012 —

A partir do relatório preliminar lançado na Rio+20, a Conservação Internacional, com apoio da Confederação Nacional da Indústria (CNI) e do Centro de Monitoramento da Conservação Mundial (UNEP-WCMC, na sigla em inglês), desenvolveu o novo site do projeto TEEB para o Setor de Negócios Brasileiro. O site traz informações sobre o projeto, notícias e publicações relacionadas, entre outros dados relevantes. 


Conheça o novo site: http://teebnegociosbrasil.com.br/


O objetivo geral do site é divulgar as diversas ações relacionadas ao projeto “TEEB para o Setor de Negócios Brasileiro”, que alerta para a importância da biodiversidade e serviços ecossistêmicos e suas  relações de dependência com o setor de negócios, trazendo orientações sobre a gestão estratégica dos riscos e das oportunidades a eles relacionados. Além disso, o site apresentará para o público nacional e internacional como as empresas brasileiras têm avançado no desenvolvimento de compromissos, metas e estratégias de gestão da biodiversidade e dos serviços ecossistêmicos.


O TEEB para o Setor de Negócios Brasileiro foi concebido a partir da iniciativa A Economia dos Ecossistemas e da Biodiversidade (TEEB, na sigla em inglês), idealizada pelo Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (PNUMA), para atrair a atenção internacional para os benefícios da biodiversidade, destacando em termos econômicos o custo crescente de sua perda e da degradação de ecossistemas. 


Coordenado pelo economista sênior Pavan Sukhdev, o TEEB global foi lançado em resposta à proposta dos ministros de Meio Ambiente do G8+5, na Alemanha, em 2007, para desenvolver uma análise global sobre o impacto econômico gerado pelas perdas da biodiversidade. O primeiro produto lançado pelo projeto foi um relatório com evidências sobre os prejuízos econômicos oriundos das perdas da biodiversidade e da degradação de ecossistemas, apresentado durante a 10ª Conferência das Partes da Convenção das Nações Unidas sobre Diversidade Biológica (CDB) de Nagoia, em 2010. Depois disso, a iniciativa TEEB lançou diversos relatórios voltados para diferentes públicos, desde tomadores de decisão do setor governamental, até a comunidade empresarial e cidadãos.


Sobre a Conservação Internacional:


A Conservação Internacional (CI) é uma organização privada, sem fins lucrativos, fundada em 1987 com o objetivo de promover o bem-estar humano fortalecendo a sociedade no cuidado responsável e sustentável para com a natureza – nossa biodiversidade global – amparada em uma base sólida de ciência, parcerias e experiências de campo. Como uma organização não governamental (ONG) global, a CI atua em mais de 40 países, distribuídos por quatro continentes. Em 1988, iniciou seus primeiros projetos no Brasil e, em 1990, se estabeleceu como uma ONG nacional. Possui escritórios em Belo Horizonte-MG, Belém-PA, Brasília-DF, Rio de Janeiro-RJ e Caravelas-BA. Para mais informações sobre os programas da CI no Brasil, visite www.conservacao.org.


Informações para a imprensa:

Gabriela Michelotti (31) 8407-7125

g.michelotti@conservacao.org